A Pfizer comunicou nesta terça-feira.

0

A Pfizer comunicou nesta terça-feira que espera que sua vacina experimental contra o novo coronavírus entre na fase de testes clínicos amplos até outubro, o que permitiria seu uso emergencial e até uma aprovação acelerada antes do fim do ano. Isso, claro, se os resultados forem positivos. Os testes podem ser iniciados já na próxima semana nos Estados Unidos se as agências reguladoras aprovarem. A vacina em desenvolvimento pelo laboratório já é testada na Alemanha. Se os planos da empresa se confirmarem, os resultados serão divulgados em maio. O anúncio foi feito pelo diretor-executivo da empresa, Albert Bourla. Na mesma ocasião, ele afirmou que a empresa deixou inalterada sua previsão de lucro ajustado de US$ 2,82 a US$ 2,92 por ação, dizendo que espera que a pandemia tenha pouco impacto nos resultados gerais. No site do #JornalOGlobo,

Receba nossas atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.